LA CC
Abertura LA CC Casa de São Mamede

Abertura da Casa São Mamede

No dia 24 de setembro – no início das comemorações do centenário de fundação da congregação das Servas de Nossa Senhora de Fátima – abriu-se a porta do n.º 100 da Rua da Escola Politécnica.

Os convidados, depois de umas palavras de boas vindas pela Ir. Maria de Jesus Armez, pela Ir. Mafalda Leitão e pelo arquiteto Pedro Leão, assistiram a uma atuação de dança contemporânea na escadaria por Inês Barros, Ayano Tatekawa e Kauêh Costa da Companhia Intranzyt.

Abertura LA CC Casa de São Mamede

A visita aos espaços do Luiza Andaluz era livre, ao ritmo de cada um, mas em cada local existia um membro da equipa que explicava e acompanhava. Em horário divulgado aconteciam algumas atividades dedicadas a públicos diversos.

Na sala Projetos e Realizações, que dá o mote à atividade do LA CC na Casa de S. Mamede, realizou-se um workshop de poesia criativa para crianças: “ Escrever do Avesso” dinamizado por Joana Leitão.

Abertura LA CC Casa de São Mamede
Abertura LA CC Casa de São Mamede
Abertura LA CC Casa de São Mamede

Mais tarde convidou-se a um tempo orante na capela: CHAMA-TE. Esta hora, abriu a todos, mas em particular aos jovens, um momento de oração para contemplar e celebrar a CHAMA que Deus ateou no íntimo de Luiza Andaluz, chamando-a a fundar a Congregação das Servas de Nossa Senhora de Fátima, e simultaneamente, a deixar que a sua CHAMA se abrasasse em cada um dos participantes.

Ao entardecer do dia todos foram convidados para o jardim, assistindo ao concerto de Madalena Jalles, voz e Leopoldo Gouveia, guitarra. 

Abertura LA CC Casa de São Mamede
Abertura LA CC Casa de São Mamede